South by Southwest 2018(SXSW): O que eu não vi, nem ouvi!

Para mim, um dos pontos altos do South by Southwest 2018, considerado o maior Festival de Inovação do Mundo, foi justamente aqueles que não encontrei, ou melhor, deliberadamente não estavam na programação.

Com 9 dias programação e 9 nove horas de programação diária, com mais de 20 salas simultâneas a cada hora, o SXSW, pode debater todos os assuntos e trazer as pessoas mais inovadoras em cada área, mas sinceramente, senti muita falta de discussões mais profundas e realmente transformadoras, as quais me lembraria daqui a 20 anos.

Alguns dos temas abaixo, podem ter sido abordados, mas por serem diretamente ligados à inovação, senti muita falta de não terem sido abordados de frente:

  1. Formas inovadoras de reduzir a violência, incluindo a crise de tiroteios nas escolas americanas.

Este problema não foi nem debatido na Conferência principal e o meu sentimento é

de frustração. Dada a limitação do Estado, não é possível que os empreendedores

vão simplesmente lavar as mãos quando o assunto é segurança e políticas públicas.

T6TzTojtRfWQu3C9hkN%3w

Foto: Painel Eduardo Cobra, na South by Southwest 2018 

2.      Alimentação Saudável e Sustentável

Apenas 10 dias nos Estados Unidos e é absolutamente impressionante quanto meus

alimentares mudaram radicalmente neste curtíssimo período de tempo. Comendo

todos os dias fora de casa, a minha silhueta mudou e certamente, comeu gorduras

e frituras, com muito mais frequência do que gostaria ou deveria

Vi painéis sobre o papel da tecnologia na alimentação, mas certamente não esta-

mos caminhando para população mais saudáveis ou sustentáveis.

Sobre a epidemia de obesidade ou diabetes? Nem uma palavra! Afinal, o block-

chain vai resolver todos os problemas da humanidade.

%v%DYI20SheBJn2z8q8NDQ.jpg

Foto: Festival de Games na South by Southwest 2018

3.        Discussões muito além da questão do gênero

Vi muitas discussões acerca do desafio da mulher no local de trabalho, mas

nenhuma acerca dos desafios dos negros, latinos, asiáticos, no local de trabalho,

ou, nas demais esferas sociais. Dado que o Texas e os Estados Unidos, têm uma

proporção de latinos superior a 17%, sendo o principal fator do crescimento

demográfico americano, é incrível que não tenham voz para debater os

desafios que enfrentam.

Vídeo: Robô Kuka, na South by Southwest 2018

Sem dúvida alguma, o South by Southwest é um evento incrível, que merece ser visitado e explorado, com uma quantidade única de líderes da inovação global, principalmente norte-americanos, que compartilham seu palco.

Contudo, é ótimo poder debater os pontos, em que o evento poderia ser ainda melhor e sugerir TÓPICOS, que deveriam ESTAR, em sua programação, não só para serem apresentados em painéis, mas intensamente DEBATIDOS!

Obrigado, Health Innova HUB, por uma oportunidade excepcional!

Fernando Cembranelli, MD/MBA

Founder e CEO Health Innova HUB

” Leading Healthcare Innovation Ecosystems

Sobre Fernando Cembranelli

Médico formado pela UNIFESP, com Residência Médica, em Administracao Hospitalar, pelo Hospital das Clínicas da FMUSP e MBA com foco em Healthcare Management pela Fuqua School of Business (Duke University). Co-fundador do EmpreenderSaúde, Ex-gerente do Centro de Inovacao do HCFMUSP, partner da Live Healthcare Media e CEO do Health Innova HUB (Health Innovation HUB)

Ola, deixe seu comentário para nossa comunidade!