3 grandes mudanças que aconteceram em 2017 no mundo da saúde!

2017 para muitos foi um ano de extremos. Questionamentos políticos, financeiros, legislativos, sociais e até musicais transformaram os debates ao redor do país e do mundo.

Paralelo a essas questões, o mundo caminhou na mesma direção em questões relacionadas ao empreendedorismo, o que impactou a área da saúde, considerada uma das áreas com maior potencial de transformação.

Nesse artigo, listamos 3 grandes mudanças que impactaram a área da saúde e que discutiremos muito em 2018.

 

Consolidação da Telemedicina e Telessaúde

A telemedicina finalmente está entre nós. Claro, estamos em uma etapa ainda inicial se comparado aos EUA, porém grandes players estão entendendo que a telemedicina pode reduzir custos e eliminar gargalos.

mudanças1

Em 2017 tivemos entidades, associações, grandes corporações e o grande público discutindo o atendimento, diagnóstico e acompanhamento por meio de “Tele-Soluções”.

A discussão amadurece conforme mais pessoas, com conhecimento e curiosidade, entram no debate, favorecendo a regulamentação e consolidação.

Um dos grandes players que está na linha de frente da discussão é o Hospital Albert Einstein. Em 2017, o Hospital anunciou um investimento geral para os próximos 5 anos de R$2.4 bi, sendo a telessaúde um dos pilares estratégicos nessa nova fase.

Nesse ecossistema, a ZenKlub, startup de teleterapias, está recebendo grande destaque. Vem recebendo aceleração da Grow+, uma das maiores aceleradoras de saúde do país. Sua solução consiste basicamente em organizar uma plataforma com um profissional (psicólogo ou terapeuta) em que o usuário tenha acesso aos seus serviços de forma remota.

 

Experiência do Usuário

Para mim, UX – junto com Bitcoin – foi o conceito do ano.

Em um mundo com tecnologia em todos os setores, automatização, IA, Blockchain, etc, a Experiência do Usuário ainda é um dos fatores mais relevantes para o sucesso do seu produto.

mudanças1

Empatia, validação, escutar o máximo de clientes possível e tornar o seu produto amigável são fatores que implicam no resultado final do seu negócio. Quantas startups não vimos quebrar, mesmo com uma solução excepcional, mas que mal conversava com a real necessidade do usuário?

UX, na minha opinião, é um dos fatores que nos diferenciará das IAs no futuro, então comece a escutar o seu usuário agora.

 

Amadurecimento dos Investimentos

Um dos fatores que tornou possível a massificação dos 2 itens anteriores, o investimento esteve presente de forma sólido no país. Apesar de números irrisórios se comparado aos EUA, a saúde pode acompanhar uma estruturação de frentes de investimento focadas na área, o que fortalece e faz o ecossistema crescer de forma mais profissional, promovendo embasamento científico, com validações técnicas, compatíveis as apresentadas no exterior.

mudanças1

Essa consolidação dos investimentos é reflexo também dos países mais desenvolvidos nessa área. Os investimentos nos EUA, por exemplo, estão em torno de U$ 5bi apenas em 2017. As startups de saúde atraem investidores pelo alto grau de disrupção do setor, pela capacidade de alcance das soluções e pelo fato de que saúde é um item imediato na lista da população – mesmo que em momentos extremos, como doenças.

 

 

Quais outras mudanças e consolidações você destacaria?

Cite nos comentários!

Abraço,

Felipe Ricci

Sobre Fernando Cembranelli

CEO e Founder do Health Innova HUB, Ecossistema Digital de Inovao em Sade. Mdico formado pela UNIFESP, com Residncia Mdica, em Administrao Hospitalar, pelo Hospital das Clnicas da Faculdade de Medicina da USP e MBA com foco em Healthcare Management pela Duke University Foi Co-fundador do EmpreenderSade, Gerente do Centro de Inovacao do Hospital das Clnicas da Faculdade de Medicina da USP e Partner da Live Healthcare (Portal Sade Business, Sade Business Frum e Healthcare Innovation Show).

Ola, deixe seu comentário para nossa comunidade!