South by Southwest 2018: O desafio de conectar os pontos!

Foto: Painéis do Artista Plástico Eduardo Cobra, no South by Southwest 2018 (SXSW 2018)

Ao longo desta semana, tive a oportunidade de relatar um pouco da minha experiência no South by Southwest 2018, o maior Festival de Inovação do Mundo. Com mais de 50 mil participantes e delegações de diversas partes do mundo, o evento pode ser considerado uma overdose do amanhã e, confesso, que em alguns momentos, fiquei burned out com tanta informação.

ggjG561MQvSCRo6PRREYfg

Foto: Fernando Cembranelli, no South by Southwest (SXSW 2018)

A cada hora, mais de vinte painéis simultâneos começam, ofereçando inúmeras escolhas impossíveis para seus participantes, pois os painéis não acontecem apenas no Austin Convention Center, mas por um perímetro que se espalha por toda a cidade, ocupando os Centros de Convenções dos principais hotéis, cinemas para o Festival de Cinema e bares para o Festival Musical. A cidade, literalmente, se transforma em função do Festival e recebe algumas das personalidades mais relevantes da atualidade como Elon Musk (incrível), Michael Dell (boring), Melinda Gates (não consegui ver), o Prefeito de Londres, o ator Luke Skywalker, de Jornada nas Estrelas, Steven Spielberg, Spike Lee, e os brasileiros kondzilla e o artista plástico Eduardo Cobra.

Vídeo: Health Innova HUB diretamente do South by Southwest 2018

Logo, a primeira decisão que você deve fazer no South by Southwest é o quê e quem você vai ver, de preferência com alguma antecedência, porquê a partir do momento que o evento começou, a chance de você ficar sabendo de alguma celebridade que apareceu num painel, através do WhatsApp, é muito grande.

Em segundo lugar, o evento consiste em sua maioria, em uma série de painéis que se seguem em sequência e ter um grupo legal, para comentar e digerir tudo o que está se vendo é fundamentamental para que tantas idéias diferentes façam nestido. Neste sentido, o evento é tão grande que encontrar brasileiros ocasionalmente pelo evento é possível, mas encontrar seus amigos, só combinando mesmo.

Vale dizer também, que apesar do evento durar 9 dias, que são diferentes festivais que vão acontecendo, a maior parte da programação do Festival acontece de sexta-feira à terça-feira, durante o Festival Interactive,  sendo que muitos brasileiros já vão embora na terça-feira à noite, ou quarta-feira.

Em Saúde Digital há um track de Healthcare, com uma programação interessante, mas não cutting edge, sendo que os painéis mais interessantes que assisti estavam relacionados à engajamento digital do paciente, quais são os resultados e quais as ferramentas disponíveis.

Vídeo: Luta de robôs na South by Southwest 2018

Certamente, o South by Southwest é um evento único, seja pela qualidade, diversidade e quantidade de speakers, painéis, exposições  e conexões possíveis criadas durante a semana, em que este ecossistema de inovação, se materializa com todo o vigor em Austin, Texas.

Dar sentido e conectar os pontos de tudo que vi e aprendi com este evento incrível? Só com o passar e olhando para trás, para entender o que aprendi e quanto cresci com esta oportunidade ÚNICA!

Obrigado Health Innova HUB!

Fernando Cembranelli, MD/MBA

Founder e CEO Health Innova HUB

 

 

 

Sobre Fernando Cembranelli

Médico formado pela UNIFESP, com Residência Médica, em Administracao Hospitalar, pelo Hospital das Clínicas da FMUSP e MBA com foco em Healthcare Management pela Fuqua School of Business (Duke University). Co-fundador do EmpreenderSaúde, Ex-gerente do Centro de Inovacao do HCFMUSP, partner da Live Healthcare Media e CEO do Health Innova HUB (Health Innovation HUB)

Ola, deixe seu comentário para nossa comunidade!