Healthcare Trek: O que acontece quando a Saúde encontra Inteligência Artificial e Blockchain?

Blockchain e Inteligência Artifical (IA) são tendências – em muitos lugares, realidade – mundiais. Desde análise de risco em hospitais, até Bitcoin e investimento na bolsa, ambos são tecnologias que estão desencadeando revoluções inimagináveis há 10 anos.

Seguindo essa tendência, a Startup doc.ai vem trabalhando com pesquisadores de universidades para criar uma plataforma de blockchain onde os pacientes podem discutir seus dados médicos com um “médico” de inteligência artificial avançado.

Em 24 de agosto, a doc.ai anunciou que sua avançada plataforma de tecnologia de processamento de linguagem natural, baseada em blockchain, registraria os conjuntos de dados e descentralizaria a inteligência artificial. A startup foi “concebida e construída” por pesquisadores das universidades de Stanford e Cambridge.

AI

O objetivo da empresa é ajudar as empresas de saúde a melhorar o atendimento ao paciente e a experiência através de um sistema avançado de diálogo natural que poderá gerar informações sobre os dados médicos agregados.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde, há uma escassez de sete milhões de profissionais de saúde a nível mundial, e esse número está em ascensão. Há uma pressão crescente sobre os médicos, que precisam ao mesmo tempo atender as necessidades da população e acompanhar os últimos desenvolvimentos em saúde e medicina.

Além disso, a formação de profissionais de saúde leva anos de educação e experiência. Com a ajuda da AI, o doc.ai tem como objetivo enfrentar esses desafios, melhorando o atendimento ao paciente e proporcionando uma melhor experiência em saúde.

Vídeo: demonstração de um dos serviços da startup.

A plataforma funciona como um Software as a Service (SaaS), fornecendo serviços a empresas médicas, o que permitirá que seus pacientes tenham conversas personalizadas com base em AI sobre sua saúde 24 horas por dia.

As conversas são personalizadas, com base nos dados de saúde do paciente através de um aplicativo móvel. A empresa espera lançar três módulos de processamento de linguagem natural – Robo-genomics, Robo-hematology e Robo-anatomics – para seus clientes.

Os pacientes podem perguntar as questões de AI relacionadas à sua saúde, como “Qual deve ser o meu valor ideal de Ferritina com base na minha deficiência de armazenamento de ferro?” ou “Como posso diminuir meu colesterol nas próximas 3 semanas?” ou “Por que meu nível de glicose foi superior a 100 e uma semana depois está em 93?”

Segundo a doc.ai, a inteligência artificial será capaz de fornecer respostas para os pacientes com contexto adicional para cada resposta. Além disso, os pacientes podem se comunicar com o “robo-doutor da IA” para “alcançar melhores resultados de saúde”, a partir de consultas com o médico do paciente.

healthcaretrak_semfiltro

MISSÃO DE SAÚDE AO VALE DO SILÍCIO 

Healthcare Trek 2017 é uma missão ao coração da transformação digital em saúde no Vale do Silício, que irá levar um grupo de 20 transformadores em saúde para conhecer e interagir com os fundadores das startups digitais de saúde, que estão transformando o setor. Participaremos da Conferência Health 2.0, a maior Conferência de Startups em Saúde Digital do Mundo e teremos conversas transformadores com incríveis líderes em saúde de organizações como Stanford Biodesign, Startup HealthStackLivongo.

Já estamos prontos para partir!

Participe!

Atenciosamente,

Felipe Ricci

HIHub Leader Development Program

felipe.ricci@hihub.co