Um sonho “maluco que não podia dar certo”, a Bossa Nova Investimentos, maior investidora de startups do país, recebe o Grupo BMG como sócio!

A Bossa Nova Investimentos, companhia responsável por investir em startups, teve parte de sua empresa comprada pelo grupo BMG. A Bossa Nova atualmente possui 150 startups em sua carteira, e a meta da aquisição é em 3 anos chegar a 1.000 startups de diversos setores investidas pela companhia, incluindo startups na área da saúde.

BMG+Bossa

Detalhes da compra não foram divulgados, mas o Grupo BMG pretende investir R$ 100 milhões nos próximos 3 anos.

joao-kepler.jpg
Foto: João Kepler, sócio da Bossa Nova Investimentos

João Kepler, um dos sócios da Bossa Nova afirmou que pretendem alcançar 200 startups até o final de 2017 e concretizar 1.000 startups até 2020.

Vídeo: João sobre como ensinar as crianças para empreender

Tanto Pierre Schurmann, quanto João Kepler são empreendedores, que se tornaram investidores  e a Bossa Nova, como toda startup, nasceu de um sonho belamente relatado abaixo por Pierre Schurmann, que faz parte da família Schurmann de navegadores :

Idea2

Foto: “A formação de uma idéia”

”  Um dia você acorda com uma idéia. 

E como uma idéia sozinha não vale nada, você vai conversar com amigos, conhecidos e até desconhecidos, para saber se ela faz sentido. 

Todos, sem exceção, te dizem que você é maluco e que a idéia não pode dar certo. 

Aí o tempo passa, e você deixa a idéia na gaveta. Para ver se o mercado muda e ela deixa de parecer tão “maluca”. 

Passado um tempo, você tira a idéia da gaveta de novo. E volta a tentar validar ela. 

Eis que, dentre muitos nãos, um “doido” acredita que ela pode dar certo. 

E, juntos, vocês saem pra validar / testar / implementar a tal idéia. E embora você e seu novo sócio tenham muita convicção, uma grande parte das pessoas ainda acha que vocês estão malucos. 

Dnepois de muito, mas muito trabalho, as pessoas começam a achar que a idéia não é tão maluca assim. Aliás, algumas começam a achar que até pode, possivelmente, dar certo. 

Depois de executar a idéia que nem um doido, e mostrar resultados à curto prazo, o número de pessoas que não acreditam que pode dar certo começa a cair. 

E depois de muito, mas muito trabalho, um grupo grande e muito visionário acredita que a idéia é boa e decide investir r$100 milhões para que ela possa crescer. 

Aí, é claro, você teve muita sorte!

Obrigado ao meu sócio João Kepler por acreditar em uma idéia doida (investir em 1000 Startups). E muito obrigado ao Grupo BMG, à Família Guimarães ( Dr Flávio em especial), e as pessoas maravilhosas com uma visão única que lá trabalham por acreditarem na nossa idéia. 

O que parecia loucura agora virou realidade.

Espero que consigamos superar as expectativas e realmente impulsionar o enpreendorismo digital no Brasil.

Vamos juntos!”

 

Pierre Schumann,Sócio da Bossa Nova Investimento
Pierre Churmann
Foto: Família Schurmann (Pierre Schurmann, ao centro, na parte superior da foto)

Vídeo: Pierre Schumann entrevistado pelo Sandro Magali (MeuSucesso.com)

Este é um dos mais incríveis relatos de empreendedores, acerca dos desafios e da descrença em começar um negócio completamente novo, disruptivo e tido como impossível por muitos. O que mais impressiona é que a Bossa Nova, se consolida como a maior investidora de startups do Brasil, com uma estrutura extremamente enxuta, trabalhando em rede com mentores e investidores, para suprir as demandas de uma crescente rede de startups de excelência.

A Bossa Nova investe com aportes de R$ 100 mil a R$ 800 mil em empresas ainda em desenvolvimento, mas já faturando. A moeda de troca são as ações, que futuramente podem ser negociadas no mercado.

dominicale
Foto: Eduardo Dominicale, Vice-presidente do Grupo BMG

Segundo Eduardo Dominicale, vice-presidente do Grupo BMG, a iniciativa visa aproximar as soluções desenvolvidas pelas startups das demais empresas do grupo, além de proporcionar inovação e empreendedorismo em diversos setores.

Esta notícia deve trazer ótimas perspectivas para startups do setor saúde, dado que este é um dos focos de interesse da Bossa Nova!

Atenciosamente,

Felipe Ricci e Fernando Cembranelli

Berrini Ventures Leaders Program e CEO

fernando@hihub.co